quinta-feira, 27 de julho de 2006

ENCONTRO COM GAUDI

Espero uma mensagem que não vem....

Algo que me diga que ainda pensas em mim....

E se me queres na tua vida...

Em vão, eu espero e o silêncio começa a oprimir-me vagarosamente...

A sufocar-me vertiginosamente,

a rir-se de mim abertamente...

E, eu...

Eu decido partir....

Para o afugentar, para o dissipar, para o quebrar................

Para me reencontrar, fazer as pazes com o meu corpo e alma...

Escolhi partir para a cidade que Gaudi marcou profundamente...

Uma nova ideia de arquitectura,

de arte, que se tornou num símbolo e é imortal...

Que os olhos bebem, o cérebro regista e a memória delicia-se.....

5 comentários:

Sandra disse...

Oh Marta gosto tanto de ler os teus textos mas parecem sempre um pouco tristes!!!
O que perdeste??? Se quiseres responder, claro!

Um grande beijinho!

125_azul disse...

É impossível não voltar a sonhar em Barcelona. Diverte-te, mima-te, ama-te! Beijinhos

Luna disse...

Com gaudi os sonhos florescem, quem sabe se sonhos novos te tornarão mais feliz, pois parecem estar triste

Pitucha disse...

Marta
Já respondi ao teu desafio, lá no Cinzento! Obrigada por me teres convidado.
E Barcelona é divinal.
Beijos

Su disse...

Força! Assim é q é! No meio da tempestade dar um tempo a nós mesmos é a atitude certa!Mto bem!

Boa sorte, curte tudo!

Beijoooooooooo