domingo, 29 de junho de 2008

A SORRIR





Falo sobre sonhos…



Numa noite de insónia….



Em que escrevi…………



Para alguém especial….



Uma história simples….



Não falo…



…..Nem do mar, nem do céu….



Apenas de um sorriso…



Um sorriso com alma…



Sem inveja…… Ou traição...



Convida-nos…



…….. também a sorrir……





(Foto "Variações Barrocas", Pedro GoniO, Olhares.Com)




(Textos protegidos pelo IGAC)

sábado, 28 de junho de 2008

VAZIA







Desci até à praia….


Embrulhei-me na neblina e senti-me protegida…


Mergulhei os pés na areia fina….


Procurei a areia molhada…


Um fosso…

……a cratera desenhada com as minhas pegadas…

Em breve…
cheia com a nova vaga das ondas….

Que desfruta da pacatez da praia….

Vazia em dia de neblina……………

(Foz, foto minha)

(Textos protegidos pelo IGAC)

quinta-feira, 26 de junho de 2008

NINFA



Mesmo com asas feitas braços
Continuo a esvoaçar no teu espaço...
Quando pouso o meu olhar só ouço
O eco a repetir o meu riso...
Queria tocar-te, chamar-te
Alegria, paixão, amor....
Serei eu anjo
Sereia, ninfa, deusa....?
Ou apenas quem tu amas...
Sou mulher, apenas, de cabelos soltos no vento
Que te ama também...
E que, por amar-te tanto
Feliz se sente.........



Dueto escrito por Marta Vinhais e Só Eu



Foto "Poemas Lido" de Alba Luna, Olhares.Com

(Textos protegidos pelo IGAC)

quarta-feira, 25 de junho de 2008

CONFISSÕES - 3ª PARTE














Hoje, vamos deixar que o olhar…







Pulsante de vida e de







paixão….






fale.......




Sei que te vou provocar….




Sei que não vais resistir………






Ás vontades que o meu corpo insinua....






.....Sei que não vou resistir….






Quando me beijares a nuca....




Provocador……






(Foto "Another day", Alba Luna, Olhares Com)




(Textos protegidos pelo IGAC)

terça-feira, 24 de junho de 2008

SENTIR O PECADO








Há uma canção que fala em pecado…


“Que o pecado mora ao lado”…


Pergunto-me que pecado é esse….


Essas vontades e esses desejos….


Essa audácia e esse arrepio ….


Em que me abandono...


E me enlaçam….


Num sentir infinito......



(Foto "Welcome", Alba Luna, Olhares.Com)

(Textos protegidos pela IGAC)

sexta-feira, 20 de junho de 2008

EMPATIA









Um dia…

Eu conto tudo…

Até termino a história que comecei

e não consigo acabar….

Não porque não tenha ideias…

Não as consigo coordenar….

Não crio empatia e como não fazem sentido….

Esqueço-as.... Caiando-as...

Hoje, estou sentada aqui…

Na posição favorita – a de Buda – à beira do mar…….

Falo muito no mar, não falo??

Aqui....
Sinto-me feliz e solta…



(Foto de José Gama, 1000 Imagens)



(Textos protegidos pelo IGAC)

quarta-feira, 18 de junho de 2008

JARDIM MALDITO






Hoje…
Vou contar a história do Jardim Maldito…
Onde nem a brisa passa…
Com medo da fúria dos Deuses…
Quais os teus segredos?
………E porque é que te chamam “Maldito”?
Se ainda é possível sentir o aroma das rosas….
Se a hera ainda se espalha pelos muros….
Se as árvores continuam frondosas …
Se posso descansar à sua sombra……….

………Talvez porque aqui é fácil sonhar….
Longe do Mundo e dos Deuses………….



(Foto "Bem me quer" Nuno de Sousa, Olhares)


(Textos protegidos pelo IGAC)

terça-feira, 17 de junho de 2008

NOVAMENTE À TOA







Atrevo-me novamente…


Sou eu quem te deixa à toa agora…


Continuo a escrever nas linhas que traçaste…


As viagens do Sol…


Em que ele se compara a Ulisses…


E suspira por Penélope….


Ao escorregar na areia....


..........e ir ao encontro das ondas……….


Suspiro por ti....







(Foto "Calma" Carlos Viana, 1000 Imagens)





(Textos protegidos pelo IGAC)

segunda-feira, 16 de junho de 2008

PALCO IMENSO








Para ti….


Volto a dançar….


O rio….um palco imenso…


Os teus reflexos…a luz…


Na qual desço numa pirueta…


Numa saudação…


Com “liftings” perfeitos…


Relaxo …


Deixo que o meu sorriso volte…




(Ponte da Arrábida, foto minha)

sábado, 14 de junho de 2008

VELHAS PALAVRAS


Empresta-me as tuas palavras….


As tuas velhas palavras....

Deixa….
....que me pendure no tempo….
....me exiba como o sol….
O vento me despenteie….
No mar, na linha do horizonte…
Seja uma nau quinhentista...

Ah, deixa-me….
Ser tudo isso.....
O que sinto no momento……

Nas minhas velhas palavras....

não consigo dizer....



(Foto "Temáticas: Fecho Éclair", Hilton Pozza, 1000 Imagens)


(Textos protegidos pelo IGAC)


quinta-feira, 12 de junho de 2008

ATREVO-ME





Atrevo-me…

A desafiar-te….

A competir contigo…

A deixar –te as minhas palavras…

……..Espalhadas pelo chão…

Para que as cantes…….

Nos acordes da tua guitarra….

Te apareçam como sereias sedutoras...

Deslizando em cada nota...
Novamente para o mar....


(Foto "Rebeldia", José Eduardo, 1000 Imagens)
(Textos protegidos pelo IGAC)

quarta-feira, 11 de junho de 2008

DEIXA-ME


Hoje, sou eu quem bajula o vento…


Quem abre a janela e dita as regras…


Ao mundo que ameaça ruir…


Conto histórias milenares….


Aquelas que fazem parte da tradição oral…


A moral embrulhada em cada palavra…


Mas só ouço a voz do meu sobrinho….


O seu grito de guerra:


"DEIXA-ME"……….


Num mundo que vai ruir….




(Foto "Confusion", Rui V, Olhares.Com)

(Textos protegidos pelo IGAC)

terça-feira, 10 de junho de 2008

FALANDO DE NEBLINA





















Comparo a neblina….À nudez………

Um dia revelada por inteiro….

Por entre gotas de chuva….

Que agora me apagam do teu caminho….

Procuro-te….

Tacteando…

Há só a neblina….

Apenas a neblina me vê….

E, dissolvendo-se numa chuva fria….

Obriga-me a fugir daqui……………


Foto "Neblina (1)" de K.O.T.A (Luis Azevedo), Olhares.Com

domingo, 8 de junho de 2008

CONFISSÃO - 2ª PARTE






Confesso no meu sorriso...


Nas minhas mãos que te cercam...


A vontade de te sentir novamente...

Em mim...


A boca na minha....


O seio no aconchego da mão....

E com a outra....


Rende-te ao desejo da minha pele..........

Sempre alerta…

Sacia-a….
Navega nela…

Reencontra-te comigo………






(Foto "Quando" de Alba Luna, Olhares.Com)



sexta-feira, 6 de junho de 2008

CONTRARIADA




Termino…..

…….contrariada….

O poema….

Já não ouço a tua voz….

Apaixonada, quente….

A vaguear pelo meu desejo…

A abrir-se na minha pele….

Mas o poema está vivo….

Por isso,

Liberto ainda mais o meu pensamento…………




(Foto "Luz Caída", Alba Luna, Olhares.Com)

quarta-feira, 4 de junho de 2008

SENTIR NA PELE







Nem sei o que dizer…

Essa prepotência de que falas….

Sinto-a igualmente na pele….


Uma chicotada contínua…

Numa ferida que não fecha…………

Com o sangue sempre a escorrer………



Por entre ameaças veladas,

“Bocas” irónicas,

.....intrigas infundadas………



Prudência….……….

Segredam-nos os outros…


Alternativas faltam…….


E só ouvimos dizer….


“Antigamente não era assim!!!”…………….


mas isso....num grito surdo.....

numa nova chicotada

..... marca-nos ainda mais a pele……….





Foto "Memórias de Pele 2" de Elsa Mota Gomes, 1000 imagens

terça-feira, 3 de junho de 2008

SEM ÚLTIMA PÁGINA









Falta-me escrever uma última página …

Fico sem palavras de repente….
Deixo-a em branco…

Podia novamente escrever sobre reflexos…

Mas reflexos de quem ou de quê?

...Meus?
Sobre quem sou ou quem fui?

Ou sobre a Alice no País das Maravilhas….

Encher-me dessas ilusões e dessas esperanças….

Que me acusam de ter em demasia….



(Foto "Beijo de Inverno" Manuela Ventura, 1000 Imagens)

domingo, 1 de junho de 2008

CONFISSÃO - 1ª PARTE



















Por entre sorrisos…

Confesso sonhos antigos…

Em que te pintei como um príncipe perfeito…

Por entre suspiros…

Confesso neste momento
O prazer....

......do teu toque, do cheiro da tua pele…

Sentir-te na alma ....

Aí enroscar-me.....

(Foto "Temática Erotismo na Natureza", Manuela Araújo, 1000 Imagens)