quinta-feira, 16 de fevereiro de 2006

FICAR POR AQUI


Podes crer que "ficamos por aqui".
Eu vou desistir, porque quem não entende nada sou eu.
É perfeitamente normal pedir-se desculpa;
às vezes, até dá azo a ser-se gozada indecentemente
e eu não levo mal, pela simples razão de que não me sinto "humilhada".
Sinto que a pessoa que me está a gozar, está a gozar-me
só pelo prazer de me ver corar,
ficar atrapalhada, sem saber muito bem o que dizer
e depois eu desato a rir, pois compreendi o objectivo da brincadeira.
Contigo, continuamos a não ter "transparência", continuas a ser o "menino mau"
pois
se utilizo as armas com que me "atacas",
ficas ofendido e "queixas-te"!!!
Já que dizes que "as desculpas evitam-se", desculpa lá a franqueza,
mas eu vou evitar-te ao máximo – só falo quando tiver que ser!
E é porque acho que não me devo "esconder" atrás dos outros,
embora já o tenha feito e não esteja nada orgulhosa disso!

Sem comentários: