quarta-feira, 21 de junho de 2006

GRITANDO ALTO

A surpresa foi tal que tenho que a registar aqui!
Pela 2ª vez este ano, a minha Mãe fez-me um elogio!
Fui considerada a "Modelo da Família" e pensei logo ser a capa de uma revista
famosa de moda, tipo VOGUE.
Não sei se me agradaria estar assim tão exposta, mas que resolvia alguns
problemas, resolvia!!!
Por isso, estou a usufruir da minha fama de "Modelo" e acho que a única vez
que
me senti assim, "inchada" de orgulho foi no Liceu.
Obtive a melhor nota no teste de Inglês, melhor até que a da "Ursa" da Turma e
as minhas colegas deliraram, gritando bem alto:
"Boa, Marta! É assim mesmo!"
Depois, descobri que nada disso importa - como se costuma dizer, valores mais alto se levantam..........

2 comentários:

BijouxKa disse...

ai ai ... mas nao importa o quê???
Importa sim... o nosso ego também se alimenta caramba ;) ai que ja falo à norte.
Claro que os outros valores sao mais importantes, mas o dia a dia também se constroi com coisas mais banais como um simples "Hoje estás linda".
E acredito que hoje estejas linda.
Beijinhos.

Sandra disse...

Lol...gostei!

Interessante a tua forma de pensar.

beijinhos