quarta-feira, 26 de abril de 2006

LIÇÃO DE VIDA



Aos anos que li "O Principezinho" e não me lembro rigorosamente de nada!
"Que vergonha!" disse à minha Mãe e
solenemente fizemos o voto de procurar, sem demoras o livro e ler a história fantástica que vai abrir os portões da nossa imaginação.
É um livro imortal, sem idade, que marca a história de literatura e da nossa vida.
Não é desperdiçar tempo com "livros para crianças", como os cépticos podem dizer, é uma lição de vida – soltar as fantasias e os desejos de quem fomos e que nos ajudará ainda mais a enriquecer a nossa vida.
A minha Mãe ainda se lembra da história e a grande preocupação dela está em como evitar a "cobra".
"Cobra??? Que cobra???" perguntei e a minha Mãe, muito séria disse "Há uma cobra, sim, não te lembras?"
Confesso que não me lembro de cobra nenhuma;
ainda não encontrei o livro, mas já se me apresenta como um desafio...
Desafio que eu gostava de ter agora, neste momento nesta sala velha e vazia....
Onde tudo parece estar a murchar, por muito que eu me preocupe e regue nas horas certas.......
..

2 comentários:

Pitucha disse...

Hoje o cinzento voltou em cheio! Lá fora e cá dentro! Como regar?
Beijos

AS disse...

Um livro fantástico de Antoine De Saint Exupery!... tem estado esgotado, deves encontrá-lo na Bertrand do Maia Shopping. E se gostares de poesia e vires por lá o "Gotas de Luz" também te aconselho vivamente.. :))

Um beijo