terça-feira, 28 de março de 2006

PAZ DE ESPÍRITO


Hoje, apetece-me dar um grito!
Um grito que ultrapasse a velocidade do som e da luz!
Que estilhasse o vidro das janelas!
Que desfaça as nuvens em mil pedacinhos!
Que transforme os galhos das árvores em estátuas!
Para desanuviar toda esta tensão, toda esta ansiedade que, de repente, sem saber bem porquê, me encurralou.
Eu,
que estava tão calma!
Tão poderosa depois do fim de semana!
Pronta a gozar plenamente esta harmonia, este bem-estar interior!
Mas algo ou alguém já perturbou esta minha paz de espírito e dei comigo a pensar se não estarei no sítio errado!
Ou apenas com as pessoas erradas?

2 comentários:

BlueShell disse...

XI...aconteceu-me isso! Estava tão bem e..súbito bateu um desespero, uma angústia uma decepção acerca de tudo e de todos...
Não gritei...recolhi-me um pouco nomeu quarto chorei....
Apenas isso..chorei!

Posso deixar um abraço apertado?
*=*=*=*=*=*=*=*BShell*=*=

lazuli disse...

Hoje também tive uma falha na paz de espírito, tive que desligar e voltar a ligar...o interruptor.

Bom dia, Marta *