quinta-feira, 3 de agosto de 2006

SEM CERIMÓNIA


Quero seduzir-te....

Acotovelo os outros, recebo olhares indignados e safanões grosseiros, mas quero que me vejas.....

Conheço-te bem, sei que gostas de sabores novos e exóticos e por isso, a expectativa é grande...

Eu sou um sabor novo e exótico

e quero ver um sorriso,

nem que seja apenas um meio sorriso, nesses teus lábios,

que pintas com uma cor muito suave...

Fico todo ufano quando me escolhes,

sinto-me como um gladiador a receber as ovações do público e aguardo,
ansiosamente que saboreies a primeira colher...

Mas não há
nenhum sorriso....

Abandonas o gelado após as primeiras colheradas,

que comes sem gosto, sem
paixão

e abanas a cabeça, pensando, talvez que foi dinheiro mal gasto...

Fico ali a derreter, a matutar porque é que continuas triste

até que a empregada me despeja sem cerimónia no balde do lixo...

6 comentários:

Pitucha disse...

O que dizer? Que desejo que continues a tentar seduzir mas só quem valer a pena!
É da tua felicidade que estamos a falar!
Beijos grandes

125_azul disse...

Tu co alter ego masculino! E a sentires que és uma fruta exótica e rara! Lindo...

O meu nome é difícil de fazer como tu fizeste com o teu. Mas posso dizer-te que, numa língua estrangeira, quer dizer doce. E a maioria das pessoas diz que é o nome certo para mim!

Beijinho, é já de hoje a 15 dis!!!

Teresa David disse...

O poema seria mais belo se não fosse amargo, malgrado os sabores do gelado que apetece comer! Deixa de vez em Barcelona os sabores azedos e qual fenix volta renascida para ti e para o teu talento que poderás sempre usar da melhor forma. e tb segura e rejuvesnescida. Ama-te que verás que tudo é mais facil de ultrapassar.
um forte abraço
Teresa David

Ant disse...

Não deixar apagar o lume que nos aquece sempre.
E a questão é que somos mesmo nós que temos que o manter aceso.

Su disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Su disse...

eu..., posso estar doente e nunca perco o raio da fome... comer é melhor que sexo! claro q falo de boa comida, e de mau sexo! ahahah

é como te digo, a única vez q perdi o apetite, foi por paixão, bem q o sorvete mais exótico se derretia á minha frente e eu, ali, perdida sem porra de fome nenhuma!

mas, sabes q mais, foram os piores e os melhores dias da minha juventude, fiquei elegante como nunca!

:)

vai por mim, da próxima vez escolhe um sabor mais simples, chocolate sabe sempre bem, além de k joga tb com muitos sabores, baunilha é uma delicia, e qd juntas umas frutas dá pra desenjoar e oferecer cor á vida!

:)

excelente! Em vez de gestora deveria ter ido para Cozinheira! Acho q era mais feliz!

bejo