quarta-feira, 4 de outubro de 2006

SUAVE

Sereia volto a ser....
Não a sereia dos teus sonhos; essa ilusão já perdi....
Apenas dos meus e é por isso que correspondo ao abraço das ondas do mar, mergulhando e deixando que a corrente me leve...
Volto ao fundo do mar, onde fui feliz e donde nunca devia ter saído...
Saudades tive
das noites cálidas, em que dei voz aos meus sonhos, tecendo leves feitiços a quem me ouviu...
das estrelas do mar entrelaçadas no meu cabelo.......
e as pérolas que me enfeitavam o corpo......
Mergulho novamente nas profundezas do mar, onde as cores são tão brilhantes e diferentes e tudo é mais suave...................

6 comentários:

125_azul disse...

Há muito tempo escrevi "no teu aquário eu sou o mar, no teu mar eu sou sereia..."

sereias são seres encantados, brilham no fundo do mar e encantam à superfície. Vai chegar o dia de ser feliz de novo...
Beijinhos um bom feriado

dreams disse...

também decidi voltar ao fundo do mar, o único sítio onde fui feliz...
o deixar de lutar por uma pessoa não significa que a tenhamos deixado de amar, ou que a tenhamos esquecido, mas a simples certeza de a ter perdido...

um beijo doce *
“·.¸Dreams¸.·”

Sandra disse...

Bem lindas...não gosto de vos ver assim!!!!

Concordo com o que disse a 125_azul...nada de perder as esperanças!

Beijinhos

Pierrot disse...

Também acho que primeiro deves ter sonhos para ti, onde "só tu entras" ou onde ninguém tos "rouba".
Depois, quiça, vêm os sonhos onde entram os outros. A isto se chama autoestima, digo eu.
Bonito texto e com alma.
Bjos daqui
Eugénio

Pitucha disse...

A sereia és tu! Os outros só podem ver a sereia que há em ti e nao a que vive nos sonhos que sonham.
Beijos

o alquimista disse...

Olá minha querida "Rainha das Águas", há tanta vida, tanto voar, tanto futuro no teu luminozo caminho...aguarda...sente...


Doce beijo