domingo, 4 de março de 2007

SENSAÇÕES/SIMPLESMENTE O AMOR

Deixa que o mar comigo fale.......

As mãos na areia molhada eu afunde.......

Na posição de Buda sentar-me

Abrir a mente............

O cheiro das algas seduzir-me.........

O sol abraçar-me............

Forte, poderoso, dominador..............

Entrar num turbilhão de emoções,num labirinto de sensações.......

E, simplesmente voar........................

Sentindo o manso vento te tocando
Roçando os teus cabelos, devagar,
Aos poucos te sentindo flutuando
Acima da beleza deste mar..

Teu nome este marulho vai chamando
Na doce sensação de se entregar,
Percebo-te, querida, navegando
Em meio as correnteza, mar, céu, ar...

As emoções misturam-se, confusas,
Resultam num prazer quase absoluto,
Mil céus, mil oceanos, quando cruzas

Encontras este sol que te alucina,
No beijo em turbilhão, que é frágil, bruto.
Tu voltas novamente a ser menina...
CO - AUTOR MARCOS LOURES

6 comentários:

Guilherme F. disse...

Passo pelo teu canto para degustar as (tuas) palavras.
Gostei.
bj
Gui
coisasdagaveta.blogs.sapo.pt

Teresa David disse...

é curioso que esta parceria resulta tão bem que poder-lhe-ia chamar um orgasmo de palavras, tal o climo de Amor que se sente partilhar aqui. Nada me más interpretações, estou a falar de platonismos, e assim resulta mto bem, doutra forma quiçá...
bjs
TD

Lia disse...

Uma harmonia de sentires que originou uma união perfeita.

Parabéns aos dois.

Beijinhos

efvilha disse...

Benditos sejam todos aqueles que pregam o amor, e o lado luz da vida, sob a escritura poética.

Cordial abraço, desde este lado do Atlântico.

Alex disse...

«Deixa que o mar comigo fale

Sentindo o manso vento te tocando

As mãos na areia molhada eu afunde

Roçando os teus cabelos, devagar,

Na posição de Buda sentar-me

Aos poucos te sentindo flutuando

Abrir a mente

Acima da beleza deste mar..»


Olá, fiz uma ligeira composição pessoal, espero que não se importem mas como acho que as frases encaixam tão bem não resisti. E vejam como ficou bem...

Beijinhos!!!!

Farinho disse...

Deixar vaguear a mente por entre amor e magia, o resultado é este, Umpoema lindo de se ser lido.

Beijocas