sábado, 3 de março de 2007

HOJE/AH AMOR

Hoje, vou deambular por aí........

Aparentemente.....

Sem rumo..........

deixar que o vento, o caminho me indique........

Hoje, embora pálido e hesitante, quero sentir o Sol.........

Na minha face..........

Quero gozar este momento.......

Pouco importa se estou só......

Curiosamente......

Bem acompanhada estou....

Porque..........

Tão longe, tão distante...
Mas tão perto;
O vento traz a chuva p'ro deserto
Em gotas que vieram d'além mar...

Formadas nas saudades deste alguém
Que sei que sente falta deste bem,
E traz esta vontade de encontrar

De novo quem se foi num verso triste
E dentro do meu peito já resiste
Às ondas, as marés, aos furacões...

O sopro do carinho em minha face
Qual fora um beijo manso que mostrasse
O gosto destas doces emoções...

Eu sinto-te presente, amada amiga,
Contigo sempre espero que consiga
Vencer a solidão que me acompanha...

O sol e o vento frio deste inverno,
Aos poucos me trazendo o manso e terno
Calor que vem do mar e da montanha...

CO-AUTOR MARCOS LOURES

8 comentários:

C_BRITTO disse...

Tipo assim: flutuando ao vento.

Terna e madura o suficiente para gostar da sua própria companhia.

Nossa auto-estima Marta nos fortalece!

Beijos no teu coração e bom fds!

Thunder disse...

Primeiro precisamos só de nós e devemos amar-nos a nós próprias e sentirmo-nos acompanhadas connosco mesmas...depois quando se está com alguém é mais maravilhoso, mas não estaremos dependentes!

Bruxinhachellot disse...

Vento que leva as folhas secas, vento que bagunça os cabelos, vento que desejo neste dia quente aqui no Rio.
Que os bons ventos tragam frescor para sua vida.

Beijos na palma da mão.

Alex disse...

Bom, se eu fosse compositor decerto musicaria tão fantásticos poemas: o da Marta como introdução em voz-off e o de Marcos Loures como balada.

Ah, como tenho pena de não ser compositor... mas algo me diz para pegar na viola que tão mal manejo e acordar uns acordes. O resultado nunca o saberão pois vai ficar tão longe, tão distante, no calor que vem do mar e da montanha...

o alquimista disse...

Olá Marta minha querida, tu nunca estarás só, o mundo conhece-te, os pássaros cantam para ti...eu gosto muito de ti...

Doce beijo

Borboleta disse...

Martinha..jé respondi ao teu desafio..jinhos e um excelente domingo...

Mundo Mágico disse...

Que tenhas vagueado muito nem que seja em sonhos...

beijo mágico

MARIA VALADAS disse...

É isso mesmo...mesmo que me sinta imposibilitada de sair... esvoaço num espaço sem limites...e VIVO com esses sonhos!

Gosto muito de ler-te...prendes com as tuas belas palavras...

Beijinhos da

Maria