domingo, 24 de abril de 2005

O CORAÇÃO

O livro da Susanna Tamaro que estou a ler chama-se:

Vai aonde te leva o coração”

O estilo não é inédito; é uma carta aberta, um diário, chamemos-lhe assim.
Uma avó que está doente, que sabe que vai morrer e está só!
A neta está na América e ela resolve confiar ao papel tudo aquilo que lhe quis dizer e/ou não teve coragem – aqueles segredos de família que se guardam e de que nunca se fala, porque se acha que ainda temos tempo.
Mas todos sabemos como o tempo prega partidas e um dia, pode ser tarde demais.
Há quem aceite e diga “Porque é que não me disse mais cedo? Sofreu tanto e sozinha!”, há quem corte relações e viva amargurada e há ainda quem ache que isso é passado e não tem lugar no presente.
O livro dá uma resposta possível e eu concordo com ela, porque é o que os meus amigos (os meus amigos verdadeiros!) me dizem:

E quando à tua frente se abrirem muitas estradas e não souberes a que hás-de escolher, não metas por uma ao acaso, senta-te e espera…….Fica quieta, em silêncio, e ouve o teu coração. Quando ele te falar, levanta-te, e vai para onde ele te levar.”

Se eu começasse agora a escrever o meu livro tipo diário, começaria assim:

Rotularam-me; esta mania idiota de rotularem as pessoas, sem tentarem saber quem elas são na verdade!
Pena que não aceitem que os outros as rotulem também
…..”

2 comentários:

Dora disse...

Marta, e por que não começas a escrever o teu livro diário? Tu escreves muito bem e tens boa matéria narrativa...Pensa nisso!
Um beijinho e boa semana :-)

Anónimo disse...

disseram-me k isso livro era muito bom mas infelizemnte nao tenho tempo para ler.. se alguem me pudesse fazer um resumo do livro agradecia muito... obrigada!! bjnhu