terça-feira, 16 de outubro de 2007

REFLEXOS E CORES








Uma silhueta na parede é agora o meu corpo…….

Na luz baixa do quarto….

Um jogo…como no tempo de infância….
Com as minhas irmãs….
A que buscava o protagonismo…
A não “te rales”…………
A que vivia na sombra….
No palco da vida, os papeis inverteram-se….
A não “te rales”…………tornou-se numa batalhadora…
A “protagonista” retirou-se de cena e vive nos bastidores….
E a “sombra” ………………….
Rasga, recorta,
enlaça,
baralha as palavras,
dá-lhes mil reflexos e cores….
Sem, no entanto, se ter tornado a protagonista…



P.S.: Imagem tirada da Net


8 comentários:

Sol da meia noite disse...

Olha Marta, o ontem, já não existe... ficou perdido num tempo que se vai perdendo...
Melhor situarmo-nos no momento presente, esse sim, o resultado de todo um percurso... Mas onde cada situação passada deve estar devidamente arrumada no lugar que lhe pertence. Melhor dizendo, a cada coisa, o devido valor.

Beijinhos!

Teresa David disse...

Gosto da força que estas tuas palavras emanam, mostrando a tua evolução em termos humanos. Continua!
Bjs
TD

Márcio disse...

Sempre ouvi dizer que se agora os meus pais tão-me a ajudar é para mais tarde eu poder ajudar a eles... E assim, tal como a relação pai-filho, deve ser a relação entre qualquer outro parentesco!
Tens é que estar receptiva a isso... e não também ajudares!

Santa disse...

Marta querida,

Agradeço o retorno da visita. Fico impressionada com tua capacidade literária. Ah! Que inveja! rsss. Vou organizar meus links com os novos amigos.

E só para tirar uma dúvida relacionada ao meu post de hoje. Sabes qual o valor pago ao um professor do ensino público fundamental em Portugal?

Menina do Rio disse...

Hoje me vesti de Menina, vim te
trazer um beijo e te convidar
pra uma festa!
Vem dançar comigo; pelos bons tempos!

Um carinho e meu sorriso

Alexandre disse...

Histórias intimistas que consegues partilhar connosco... acho que é muito importante contar histórias de um passado envolto em mil cores e reflexos...

Muitos beijinhos!!!

Peter disse...

"A não “te rales”…………tornou-se numa batalhadora…"

Sou testemunha virtual.

Teclado maravilhoso*

C_britto disse...

Marta,

Saudade de você menina!


Li cause tudo. Devorei cause tudo.
Tudo que está nessa [Página]
Claro, porque pela lista do Histórico que perdi vejo que há muito para ler por aqui.

A minha poetiza Marta.

http://apontadeumcaminho.blogspot.com/

(a)braços...:)