segunda-feira, 18 de dezembro de 2006

ATÉ OS OLHOS

No quadro,
o olhar fixo............
Primeiro na assinatura........
Depois, deixo que siga os contornos da ponte.................
Ao lusco-fusco.....
Num convite à magia,
ao sonho,
ao romance...............

Sinto as pálpebras a descerem, e
nenhum esforço faço
para que,
o olhar não me ocultem................
Nenhum músculo mexe...............

Dir-se-ia que,
em estátuta me transformei.............
Apenas repouso......
Até os olhos......................

6 comentários:

angel bar disse...

"Até os olhos......................"
Em hipnotismo contagiante.

Um bom dia, um beijinho e obrigada pelas visitas a Angel Bar, aberto 24 horas na cidade dos anjos ;)

Ant disse...

Estátua? Ah, olhaste para trás e pimbas. Não se pode olhar para trás, sabias?
Um beijo já com sabor a rabanadas e coscurões (escreve-se assim?).

C_BRITTO disse...

"Num convite à magia,ao sonho,ao romance" amo essa frase é poética romântica, fantasioso.E só pode serrr tua amigaaa ;)

Bjos no teu coração!!!

Alexandre disse...

O convite à magia pode acontecer até com os ohos fechados. Tudo é possível magicar, imaginar, quando nos transformamos em estátuas... o corpo pára, mas a mente... NUNCA PÁRA!!!!

Teresa David disse...

Por vezes cerrar os olhos e deixarmos que os sonhos que nos povoam se desenrolam no nosso olhar interior, é apaziguador e um prazer só nosso, só nosso, só nosso.
Bjs
TD

sónia disse...

..mas porque é que escondes os teus olhos dos meus?
mostra-os..mesmo que de olhos cerrados...mostra-te...