domingo, 9 de janeiro de 2005

HÁ OU NÃO SORRISOS

Estás aí, Mercúrio?
Que fazes tu aqui, qual é a mensagem que me trazes dos Deuses do Olimpo desta vez?
Os primeiros dias dum novo ano nem sempre são fáceis, sabes, e os meus ficaram marcados pela desilusão.
Culpa minha, dirás e talvez tenhas razão, mas não vale a pena perder mais tempo a analisar razões de factos que se transformaram em passado.
Talvez tenha sido por isso que resolvi conceber um novo blog – abrir a minha VIDA a um género de literatura, que sempre achei que nada tinha a ver comigo e afinal, até tem.
Quero, portanto descobrir se a Florbela Espanca tem razão quando diz que:

Versos!Versos! Sei lá o que são versos….
Pedaços de sorriso, branca espuma,…”

1 comentário:

lique disse...

Eu já te vou visitar lá no teu novo espaço. Poesia, amiga, existe escondida em cada cantinho da nossa vida. Beijinhos