domingo, 10 de junho de 2007

SILÊNCIO = SOLIDÃO





Não sei o que fazer................
Fico aqui parada...
Nem abrir um livro eu consigo...
Hoje o silêncio ofende-me...
Magoa-me e quase choro............
Lidar hoje com a tua ausência...
Hoje...
Eu não estou a conseguir..........


Aguardo uma resposta que não vem,
Meu grito vai sem eco pelo espaço.
Tomado pela dor, pelo cansaço,
Espero aqui, sozinho, sem ninguém...
Quisera num segundo ter meu bem
Deitada, aqui quietinha no meu braço;
Não posso, não consigo e nem disfarço,
Só saudade; meu peito, triste, tem...

Silêncio me matando assim, aos poucos,
Distância, uma feroz vicissitude,
Procuro, então, tomar uma atitude

Antes que os dias fiquem todos loucos,
Lidar com tua ausência? Não consigo.
Quem dera ter-te aqui, junto comigo..

CO-AUTOR MARCOS LOURES
www.marcoseeu.blogspot.com



P.S.: Imagem tirada da Net



7 comentários:

Alexandre disse...

«Lidar com tua ausência, não consigo...»

Quem consegue lidar com a falta de uma parte de nós? Quando sentimos a ausência de alguém é porque esse alguém é parte de nós próprios...

Ausência... a quanto obrigas!!!

Thunder disse...

A saudade dói.
Mas eu gosto de a sentir, pois se temos saudades de alguém ou de algo, é porque existe outro sentimento igualmente forte: amor (de amigo ou paixão)!
Beijos.

Paula Raposo disse...

Lidar com a ausência...a todo o momento.

C_britto disse...

Amores do passado, lembranças do presente.
A dor da ausência é a pior coisa que tem.
Temos tantas perdas Marta, e mesmo assim, não apreendemos lidar com a tal ausência.
Deixo-te uma frase de Clarice Lispector:
“A saudade é como a fome, só passa quando se come a presença.”

Beijoo doce no teu coração!

PEDRO disse...

São ausência temporária Marta.
É isso que temos que sentir.
Pessoa como vc merece ser feliz!
Infeliz do que te faz sentir essa ausência.

Beijinhos querida Marta!

Thunder disse...

Olá!
Tenho algo no meu blog para ti!
Bjs.

starxandra disse...

Nem sempre a ausência é má...há que saber tirar partido dela.
Bonito poema!
Beijinho!