terça-feira, 26 de junho de 2007

LONGO SUSPIRO









Hoje…..num longo suspiro………………


Violentamente.....

À lua…

cores quentes quero lançar…

Ver como escorrem….lentamente…………….

Ganham vida própria, por caminhos sinuosos…………

Aquela nudez cruel, indiscreta…………


numa pintura abstracta se transforme…………….

Jamais alguém saberá que…

da lua se trata………………………

Por minutos o meu sonho dura….

Tal como os diamantes…a nudez da lua é eterna…

Só mesmo...

nos meus sonhos...

a posso colorir….

P.S.: Imagem tirada da Net

6 comentários:

125_azul disse...

A vestires a lua em sonhos, que imagem linda! Beijinhos e muita baba do pequeno Migas

Alexandre disse...

Ai a Lua! Tantos desejos nos faz sentir, tantas insinuações, tantas nudezes nos faz sonhar e imaginar... a Lua! Sem ela a sensualidade não existia! Abstracta, pintada de prata, um diamante que ganha vida própria todas as noites! Ai a Lua!!!!

C_britto disse...

Marta,

Fico perplexa diante de tanta sensibilidade nos teus poemas reluzentes de encantamento e tesão
poético.

Beijoo.

Fica bem.

Cuide-se...

Peter disse...

Blue Moon.

Shelyak disse...

The Look of Love... The Moon...
Mais um momento de magia...
Beijinho :)

Paula Raposo disse...

Gostei...beijos.