quinta-feira, 3 de julho de 2008

A PROPÓSITO








Andei em círculos….

......sem saber muito bem o que fazer ou pensar…

Esperei pelo sol….

Esperei pelo autocarro….

Entrei….

…. Ao burburinho das vozes alegres……….

não liguei…

Isolei-me….
sei que me isolei, pois nem um sorriso dei…….

Na praia….

Fotografei......
....... sem me preocupar com o enquadramento ou o EV….

Deixei de andar em círculos….

Não estou cansada….

....de Mim….

Estou apenas cansada das atitudes de certas pessoas….


(Texto inspirado no poema de Pablo Neruda - Walking Around)





(Foto minha - Foz)




(Textos protegidos pelo IGAC)

8 comentários:

Fernando Rozano disse...

Inspiração sublime:Neruda é sempre fantástico e nos lança à compreensão da vida, inclusive, quem sabe, nos faça entender a atitude de certas pessoas. bela reflexão, Marta. beijo e grande abraço.

Só Eu disse...

E que inspiração!
Belo.
Claro que gostei.
Beijinhos

Alexandre disse...

Também eu estou cansado com as atitudes de certas pessoas - em especial daquelas que nós pensamos que nunca nos vão desiludir - mas talvez até seja bom que isso aconteça até porque nada acontece por acaso - acredito - o que tem de ser tem de ser e o tempo é o melhor consultor...

Excelente post, Marta! Muitos beijinhos!!!

titofarpas disse...

Muito bom post...
Adorei o seu blog. Está muito bom...
Parabéns e felicidades

AugustoMaio disse...

Bem bonito e... amadurecido.

Nilson Barcelli disse...

Exagerando, os outros tratam-nos como nós quisermos.
O pior são as excepções...
Percebo-te, por isso.

A tua indignação, ou melhor, desilusão, foi expressa de um modo calmo e bem delineado. Isto é, num bom poema.

Bfs, beijinhos.

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Obrigada, amiga, por ter ido ao meu blog nesse momento tão difícil de cãncer e, agora, químio. Só posso retribuir a meu modo. Enquanto fico de resguardo, fiz um novo post, As pontes de Madison. Apareça:
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
não há ponto depois de www
Um beijo,

Joseph disse...

Marta
Olá

Quase que, para ti, hoje não houve um dia normal.
Isolamento quase total.
Temos que tentar ultrapassar as atitudes que não achamos correctas, senão essas atitudes atingem o seu objectivo.
Penso eu.

Beijos ternos;)**