terça-feira, 16 de maio de 2017

ESTRANHO


O Sargento Bernardes estava aborrecido...

Melhor dizendo, "chateado", mas segundo o Inspector Meireles, o inspector interino, essa palavra não existe no vocabulário da policia.

" Bolas!" pensa o Sargento " Porque raio havia do Inspector Leandro adoecer agora?"

Não que Leandro fosse para brincadeiras.... Não, exigia respeito, dedicação e rigor...

Mas tratava os subordinados de igual para igual e todos apreciavam isso.

Por isso, quando o Torcato lhe falou da chamada estranha que a central tinha recebido, o Bernardes não hesitou.

" Vamos lá ver o que se passa!" e pegou no casaco.

" Se calhar, é o esqueleto de um cão!" contrariou o Torcato.

" Quero lá saber!" disse o Sargento e abriu a porta do gabinete.

O Meireles estava numa reunião e por isso, os dois atravessaram o átrio calmamente, desceram até à garagem e requisitaram um carro.

Cinco minutos, seguiam para a Praça da República onde os aguardava um grupo de curiosos.


CONTINUA

Sem comentários: