quinta-feira, 22 de maio de 2008

FOGO DOS INFERNOS


















Posso chamar-te…
"Querido" ou até "meu amor"
Sem qualquer outra conotação….

Alguém em quem confio…
………a quem dedico uma amizade sincera….

Já mentes torcidas,
Ocas de vida
……..E de sentimentos…

Nas nossas costas….
………. Escrevem um argumento cinematográfico….

Em que somos amantes descarados
………. e condenados ao fogo dos Infernos………….




Foto: "Vigilante Abstractus" de Ricardo Verde Costa, 1000 Imagens


8 comentários:

palavrasventoleva.blog.sapo.pt disse...

Ola!
Vejo que continuas a exprimir a tua sensibilidade de uma forma unica.
Ja nao escrevia ha muito tempo, mas como escrever e para mim um refugio da realidade, ainda que escreva sempre sobre ela, tive de voltar a blogosfera. E agora que regressei, conta com as minhas visitas. :)
Parabens pelo teu blog.
Ate breve!

Nilson Barcelli disse...

Para muita gente, nem é necessário parecer para ser.

Não ligues...

Beijinhos.

Sol da meia noite disse...

Real.
Mas lembra-te que quando alguém trama nas nossas costas, é porque estamos mais à frente... seguindo o nosso caminho.
Desprezo, minha amiga, é o indicado.

Grande beijinho

cõllybry disse...

O olhos sofrem sempre de imperfeição da carne...

Terno beijo

Joseph disse...

Marta
OLá

Sim, é tendencioso muitas vezes levar para outro sentido as palavras QUERIDO, MEU AMOR, etc.
Depende também do poema...

Aqui falaste do poema, qual declamação, e ninguém levará para outro caminho.

Gostei muito da parte final:

"Nas nossas costas...
...Escrevem um argumento cinematográfico...
Em que somos amantes descarados
...e condenados ao fogo dos Infernos..."

Beijos ternos:)**

Alexandre disse...

Tudo na vida pode ser distorcido, adaptado, argumentado, menos o amor verdadeiro e a amizade sincera. Esses valores são intocáveis e ninguém os poderá subverter.

Muitos beijinhos!!!

Renata Cordeiro disse...

Lindo! Vc disse que ia voltar e não voltou. Agora não tem desculpas.
Postei sobre um filme que vc já deve ter visto, mas que vemos sempre duas vezes.
Dá uma passada lá:
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
não há ponto depois de www
Renata M. P. Cordeiro

Alexandre disse...

Porque hoje é um dia muito especial...



MUITOS PARABÉNSSSSSSSSSS!!!!

Muitos beijinhos, Marta!!!!