sexta-feira, 8 de outubro de 2004

EU E A LUA

Amores escondidos, de que ninguém fala! Porque só a nós pertence!
Há qualquer coisa de excitante no mistério que nos rodeia!
Há aquele meio sorriso, que todos estranham, mas que só nós sabemos o significado!
Há um novo significado para tudo o que fazemos; há uma inveja mal-contida que ignoramos, porque estamos felizes!
Contudo, há coisas de que nunca falamos, nunca deixamos a descoberto, porque não temos a certeza de que isto foi, é e será apenas um momento!
Como disse um escritor - esqueci o mome - "O sol quando nasce é para todos"!
Mas eu acho que a lua também - brilha na escuridão da noite, esconde as mágoas e a solidão.
Hoje, LUA, é a tua vez de me animares!

1 comentário:

lique disse...

Olá Marta, venho ver como vai a tua escrita e a tua disposição aqui no teu cantinho. A escrita está cada vez melhor, a disposição, assim assim. Vive o dia a dia, Marta. E sê feliz! Beijinhos