quarta-feira, 21 de junho de 2017

AGAPITO - O FIM


" Com o que se diz..." disse o Livramento e, como o Agapito continuava perplexo, acrescentou:

" Digamos que alguns dos meus negócios não são assim tão claros como este, compreendes? Não te preocupes! Está tudo controlado." e saiu apressadamente.

Como se tivesse visto o Diabo!

O Agapito sentou-se e ficou imóvel por uns minutos. Na sua mente, já se via numa cela minúscula como mostram os filmes americanos.

Quem era o Francisco Livramento na realidade? O que é que sabia sobre ele? De que negócios estava ele a falar?

Drogas? Lavagem de dinheiro?... Agapito deu um murro na mesa....

Claro que era lavagem de dinheiro... Como é que pode ser tão ingênuo?

O que é que devia fazer agora? Fazer dos ginásios um sucesso e mantê-los fora de qualquer investigação policial.

E foi bem-sucedido até ao dia em que o Livramento lhe pediu para confirmar o álibi e foi interrogado pelo Inspector Leandro....


FIM 

 

1 comentário:

Sofá Amarelo disse...

Um Fim que pode e deve ter uma continuação... porque algum fumo ficou no ar, e quando há fumo... há fogo...