sábado, 2 de julho de 2011

PALAVRAS DE AMOR

Nada pode ser imperfeito,
se ainda repito, baixinho,
as tuas palavras de amor.
Se as sinto ainda como
uma carícia na pele....

Como posso apagar o desejo,
a paixão que vejo nos meus olhos?
Como posso não acreditar
no que diz o corpo transpirado,
saciado?
Quando tudo o que os olhos vêem
é o amor escrito no sangue.



Foto de Margarida Araújo "Temáticas: Sensibilidade à Flor da Pele" (1000 Imagens)

7 comentários:

AC disse...

Há inspirações que nos tocam profundamente.MA-RA-VI-LHO-SO, Marta!

Beijo :)

Paixão Lima disse...

Palavras inspiradas que traduzem o sentimento que é o sal da vida e o seu sabor. Parabéns!

Lost Soul disse...

palavras de paixão! belas!

-___-

tecas disse...

Divinamente sensual! Amor, sour e sangue!
Belissimo.
Parabéns querida,pela partilha.
Bjito e uma flor

Sofá Amarelo disse...

O amor pode ser escrito no sangue ou no olhar que tresanda de paixão inebriado pelas carícias na pele, onde as palavras de amor são desejos... perfeitos!

Secreta disse...

Há sentimentos e sensações das quais não podemos fugir!
:)

N. Barcelli disse...

Belíssimo.
Parabéns pelo teu talento poético.
Beijo, querida amiga.