segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008

A SOMBRA DO VENTO














Deixo que a sombra do Vento**…
Me esconda…
Pois apenas o teu olhar....
Eu procuro ler………….

Segui-lo….
Reencontrar nele essa tranquilidade.
Com que me cativaste….

Aquietando-me…amando-me….
Como outrora Morfeu…

Que também procura a sombra…
Essa sombra do Vento..
Para se esconder....
Pois sabe que perdeu…
Nos teus braços eu acordo...
E já não nos dele............




P.S.: Foto cedida pelo Alex (Fundamentalidades)


** Título do Livro de Carlos Ruiz Zafón (que leio actualmente)



5 comentários:

Sol da meia noite disse...

Amei este texto.
Mas... porque te escondes, amiga? Não queiras apenas seguir um olhar. Deixa que olhares se troquem... Só assim o entenderás.

Beijinhos

Alexandre disse...

Escondermo-nos na sombra do vento... muito bem!

Todos nós devíamos ter possibilidade de nos escondermos na sombra do vento!!!

Parabéns nos prémios ganhos também no Com Amor!

Muitos beijinhos!!!

A. Jorge disse...

Olá!
Tenho, para os meus eleitos, um recado no "Vagabundices"!

Um beijo

Jorge

http://vagabundices.wordpress.com/

AURORA ( LOLA ) disse...

Um dia tudo, um dia nada
Hoje um sorriso, amanhã uma lágrima!




LINDO como sempre.



bjs

Joseph disse...

Marta
Olá

Queres-te esconder porquê?
(À SOMBRA DO VENTO)....

A felicidade é mais fácil de encontrar se não nos escondermos.

Retirei do teu poema o que mais me tocou:
"Para se esconder....
Pois sabe que perdeu…
Nos teus braços eu acordo...
E já não nos dele............"

Ficou bonito o award.

Beijinhos ternos...

(Bons sonhos)