quarta-feira, 13 de junho de 2018

O CLANDESTINO - PARTE IV


No dia seguinte, Gustavo fala com a D.Margarida que o ouve atentamente.

" Não posso dizer que estou surpreendida; a D.Noémia passava mais tempo a viajar do que em casa." comenta " Não se preocupe, Engenheiro, eu ajudo-o. Vamos lá dar o pequeno almoço aos meninos. Já pensou em contratar uma babysitter? " sugere.

Entre os dois, convencem os miúdos a levantarem-se, a vestirem-se e a tomarem o pequeno almoço.

Depois, o Engenheiro Gustavo leva-os ao colégio e fica a pensa no que a D.Margarida disse sobre uma babysitter.

" Se quiser, a minha sobrinha Luísa é a pessoa indicada. Está na Universidade com uma bolsa e está à procura de um part-time para ganhar uns trocos. Eles vão ficar em férias dentro de duas semanas e podem ficar num ATL de manhã. A Luísa vai buscá-los à hora de almoço para passearem. O que acha? " 

O Gustavo acha que é uma boa ideia. Uma das avós telefona e diz que vai buscar os meninos ao colégio para lancharem fora.

Até podem jantar e dormir lá em casa, o que acha o Gustavo da ideia?

O Gustavo não tem nada a dizer; até agradece.

A sobrinha da D.Margarida é uma rapariga bem disposta e fica logo amiga das miúdas.

O Pedro continua calado, sem dizer nada, embora participe nas brincadeiras e nos passeios que a Luísa organiza.

Da América, há poucas notícias e o Gustavo não sabe o que dizer aos filhos.

Acaba por os deixar ir para o Algarve com a avó; tem um projecto para terminar.

" Pareces cansado!" comenta o Dr Gonçalves " Os miúdos? "

" Estão bem; estão no Algarve com a minha Mãe. Falei com eles ontem; parece que se estão a divertir." responde o Gustavo.

" E notícias da Noémia? " questiona o director financeiro.

Gustavo suspira.... Não sabe nada sobre a Noémia. 


CONTINUA

2 comentários:

Larissa Santos disse...

Muito bem. Acompanhando :))

Hoje: - Adormecer na dor das palavras.

Bjos
Votos de uma óptima Noite.

Sofá Amarelo disse...

Várias gerações como protagonista, ausências, quotidianos, responsabilidades... todos os ingredientes para mais uma grande narrativa...