quarta-feira, 6 de maio de 2015

SIMPLESMENTE




Esta noite, perdoa-me...
Se não respondo ao teu sorriso... Ao teu beijo...
Se me refugio no silêncio e não digo nada...
Não sei se sinto culpa... Se tenho pena de mim...
Sei que devo enfrentar todos esses medos... mas hoje...simplesmente...
não quero pensar nisso...


3 comentários:

lia disse...

Oi amiga Marta, tua poesia me fará refletir hoje...que bom.
Gostei de vir aqui, apareça lá no meu hj pois postei sobre RONDON. Vou te esperar. bjks

Sofá Amarelo disse...

Há dias em que temos o direito de não pensar naquilo que nos atormenta... e há noites em que não se tem que responder nem a sorrisos nem a beijos, pois o silêncio é cúmplice dos medos que, mais tarde ou mais cedo, têm que ser enfrentados simplesmente...

Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

Não pensar, é tantas vezes o melhor remédio...