sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

A VERDADE





Ignoro...
Os teus discursos sobre respeito...
Esse respeito que nunca tens pelos outros, mas de que tanto falas...
Posso repetir cada uma das tuas palavras...
Como posso contar todas as vezes em que pisaste, humilhaste, magoaste alguém...
Porque a verdade...
A verdade é sempre a tua... nunca a dos outros....

2 comentários:

Paulo Francisco disse...

Caramba! Verdade dita nua e crua.
Um beijo grande

Sofá Amarelo disse...

E que a verdade seja a nossa e nunca a dos outros... de uma vez por todas...