quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

LOUCURA




É impossível
       não te olhar
sentir-te
       desejar-te
em cada palavra que penso...

É impossível
        não me perder na loucura
e não pressentir
       (nessa loucura)
o sentido da minha vida.....





Foto de “Open Art Group” 

6 comentários:

Ana disse...

Tão bonito Marta.

Beijinhos

Ana

Sofá Amarelo disse...

O sentido da Vida está no olhar, no desejo, na loucura e em cada palavra pensada e escrita nos sentidos do impossível...

LUZ disse...

Olá, Marta!

As loucuras são, sempre, possíveis.

Beijo da Luz.

Nilson Barcelli disse...

E nem vale a pena lutar contra a impossibilidade...
Belo poema, gostei.
Marta, querida amiga, tem um bom fim de semana.
Beijo.

Secreta disse...

Das loucuras saudáveis :)
Um beijo, grande!
Feliz 2013.

Daniel Costa disse...

Oi Marta

Uma pitada de loucura, é o sal que dá sabor à vida.
Beijos de amizade