sábado, 26 de janeiro de 2013

DEDICATÓRIA





Dedico-te
           todas as palavras
dos poemas que escrevo

Arrisco-me,
         atrevo-me,
amo-te
         em cada frase,
em cada sorriso....

Sem que tenha dito tudo....
           Nunca te poderei dizer tudo
Porque só sei como te amar....




Tela de “Open Art Group”




3 comentários:

Sofá Amarelo disse...

o Amor só faz sentido quando se dedicam todas as palavras dos poemas que se escrevem, em cada frase, em cada sorriso.. e é impossível dizer sempre tudo porque a dedicatória é um risco sempre renovado... quando alguém se atreve...

Secreta disse...

E é esse o saber mais dificil!
Um beijo :)

Nilson Barcelli disse...

No amor, nunca dizemos tudo...
Magnífico poema.
Beijo, querida amiga.