sexta-feira, 15 de junho de 2012

SOMBRAS, LUAR E DESEJO


Esta noite,
fujo ao luar
E surpreendo-te
nas sombras


Esta noite,
calo a voz
Seduzo-te apenas
com o toque


Esta noite,
fecha os olhos
E segue-me


Por entre as sombras
Por entre o luar
Por entre o desejo

TELA DE OMAR ORTIZ “EL VUELO DE VENUS”

6 comentários:

Ulisses Reis ® disse...

Uma composição maravilhosa meus parabens, tenha um fds lindo, beijos !!!

Sofá Amarelo disse...

Quando há luar há sombras e é por entre as sombras que o desejo e sedução calam a voz e fecham os olhos porque no lura da sombra basta um toque...

© Piedade Araújo Sol disse...

ao teu estilo!

sensual e terno!

beij

Daniel Costa disse...

Marta

"Sombras, luar e desejo", o poema, muito criativo, faz jus ao título.
beijos

Nilson Barcelli disse...

A sedução não precisa do luar nem de nada, porque tudo que apareça pode atrapalhar...
Belo poema, querida amiga.
Beijo.

Anita de Castro disse...

Sombras do luar desejo rubro da magia dos sentidos

Um beijinho Marta