quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

A FAVORITA



Quando te mostro como sou…
Com o corpo húmido,
…..O cabelo molhado…
Após o duche….

Sinto-me leve….
Leve…




Repito-a….
……. Eu sei….
A minha palavra favorita…




Abraço-te….
....Em mim






Já sem aquele timidez….



........Que….
…….docemente...………….


...venceste
















(Foto "S/T" de Nuri, Olhares.Com)
(Textos protegidos pelo IGAC)

8 comentários:

Sol da meia noite disse...

E é tão bom sentir que a timidez foi vencida...
É tão bom sentirmo-nos... darmo-nos a sentir...

Beijinho *
:-)

Carla disse...

linda esta suave timidez
beijos

Pekenina disse...

Transparência, limpeza e pureza de sentimentos. Muito bonito.

Beijo

ZezinhoMota disse...

Muito sensual este poema, eu diria Sublime!

Bjnhs

ZezinhoMota

Nilson Barcelli disse...

Gostei imenso do teu belo poema, tem muita sensualidade.
Beijinhos.

Nuno de Sousa disse...

Lindo e perfumado poema.
Bjs e as tuas melhoras,
Nuno

belakbrilha disse...

Lindo!

Tenho andado meia fugidia...

mas espero regressar

com muita esperança!

beijos da amiga

belakbrilha

pin gente disse...

anda aqui uma onda de sensualidade... gosto!
muito leve e subtil... sinto o que de ti conheço nas tuas palavras.

um beijo, marta

tenho-te no pin