segunda-feira, 8 de junho de 2015

UMA VEZ QUE SEJA



Esta é uma história de amor...
Um amor tão intenso que até as palavras empalidecem...
Um amor que vive despido de preconceitos... Arrojado e egoísta...
Mas tão fugaz e poderoso que seria pecado não o sentir...
Uma vez que seja na vida....




2 comentários:

Sofá Amarelo disse...

O Amor para ser intenso e Amor verdadeiro tem que estar despido de preconceitos, tem que ser arrojado e egoísta... senão é qualquer coisa menos Amor...

Ailime disse...

Boa noite Marta, os seus poemas são tão belos e bem construídos!
Com uma cadência que impressiona e me emociona.
Beijinhos.
Ailime