segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

DESAFIO AO FRIO




Esta noite,
desafio o frio...
Lendo em voz alta um poema de amor...
Pronunciando lentamente cada palavra... 
Deixando que o corpo lhes dê voz..
Intensamente....


5 comentários:

Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

Muito original, Marta!
Gostei e é suave...

bjo amigo

Sofá Amarelo disse...

E a cada palavra de um poema de Amor o frio dissipa-se e dá voz ao corpo... intensamente...

Graça Pires disse...

E assim as palavras acendem o fogo e aquecem e dão prazer...
Um beijo, Marta.

© Piedade Araújo Sol disse...

e assim as palavras geram calor.
original!
gostei
:)

Paulo Francisco disse...

Adorei!
beijogrande