sábado, 21 de março de 2015

O TEMPO





Não sei o que dirá o tempo ...
De mim... De ti...
Ou desta noite em que desafiamos o Mundo....



2 comentários:

DIOGO_MAR disse...

Essa é a grande questão que sempre colocamos.
O que dirá o tempo?
Esse déspota implacável juiz da vida.
Rastejamos aos seus pés, e veneramos a sua sapiência.
Corremos contra o tempo
Queimamos o tempo
Matamos o tempo
Damos tempo ao tempo, porque o que mais gostávamos era de conseguir fintar o tempo.
Mas a vida, não se compadece com o tempo.
Vamos aproveitar o tempo!

JINHO

http://diogo-mar.blogspot.com/

http://rasgarosilencio.blogspot.pt/

heretico disse...

a noite é imune ao tempo...

(enfim, digo eu...)