segunda-feira, 2 de agosto de 2021

O REGRESSO PARTE II

 

O engraçado disto, confessa a Madalena, é que a Rita achava que era uma exagerada sempre que os meus filhos adoeciam e aqui está ela a fazer o mesmo. A Francisca deve ter uma constipação, deve estar boa dentro de dias.

Não sei quem fica mais doente, diz a Teresa, se o António, se os miúdos. Ele entra nitidamente em pânico e por vontade dele, íamos a correr para as urgências.

A Aída ri-se, já não me lembrava disso, mas tive sorte, o Bernardo foi sempre saudável. Claro que teve constipações, sarampo, mas fora disso, não tive grandes preocupações com ele.

Já sabes o que ele vai fazer? interrompe a Madalena e a Aída abana a cabeça, não me disse nada! responde, creio que vai assumir um novo lugar na empresa, acho que foi o combinado.

Seja como for, vai ser bom tê-lo em casa! remata a Teresa e apresenta uma série de sugestões para o jantar de boas-vindas.

Quando as duas amigas se vão embora, a Aída fica a pensar, elas têm toda a razão, o que é que o Bernardo vai fazer?

Talvez tenha discutido alguma coisa com o Pai, mas este é extremamente vago quando lhe pergunta.

Não penses nisso agora, observa, faltam dois dias para ele chegar, ele deve ter imensas histórias para contar, continua, concentra nisso e fala-se no resto depois.

Tu sabes alguma cosia e não me queres dizer, exclama a Aída, fui casada contigo vinte anos, achas que não sei quando estás a esconder alguma coisa?

O ex-marido fica surpreendido, esqueceu-se realmente que não é fácil esconder-lhe as coisas, a Aída tem faro para este tipo de coisas.

Não sei de nada, diz calmamente, e, seja como for, se há alguma coisa a dizer é o teu filho que tem que falar contigo! 

A Aída fica calada, pondera todas as hipóteses possíveis e a Rita acha que ela está a fazer uma tempestade num copo de água.

Se fosse para ficar em Cabo Verde, atalha, já te tinha dito! Mas ele apenas disse que foi uma grande experiência e que estava pronto para começar outro projecto!

Mas quem sabe, comenta a Aída, se esse novo projecto não é fora daqui? e a Rita fica calada, porque não sabe verdadeiramente o que responder.

Está tudo pronto para o jantar de boas-vindas, só falta o Bernardo.

A Aída desata a chorar quando o vê entrar na sala, desculpa-se, são os hormonas, repete, estou tão, tão contente de te ver!

O Bernardo abraça-a comovido. Sentiu a falta dela! Aliás, sentiu a falta de todos!

CONTINUA

Sem comentários: